Cuidados, Dicas e Notícias
Seu cachorro é possessivo? Veja dicas! (31/07/2015)

O seu melhor amigo é possessivo com você? Se outra pessoa aproximar, ele já começa a latir ou rosnar? Ele também é possessivo com os seus brinquedos e petiscos? Muitos cães tendem a ter este tipo de comportamento. Confira algumas dicas sobre o assunto e de como lidar com a situação.

Por que os cachorros são possessivos?

O temperamento possessivo, segundo alguns estudiosos, é desde os antepassados. Antigamente, os ancestrais tinham que proteger os seus alimentos para sobreviver, o que era muito difícil na época. Devido a isso, os cães tendem a ter um temperamento possessivo e implicam quando alguém se aproxima da sua casa, da sua coberta favorita, dos seus brinquedos, petiscos, ou seja, de qualquer item que ele goste, e como reação eles latem e rosnam. O seu cachorro é assim? Há cães que já tem um lugar reservado no sofá da sala ou na cama. É só alguém chegar perto, que já começam a latir e ficam irritados facilmente.

Qual a causa do comportamento de posse?

O comportamento pode estar associado à agitação do dia a dia e ao excesso de mimo e carinho. Pessoas que trabalham fora o dia todo, quando chegam em casa tendem a mimar o cachorro com exagero, porque ele ficou sozinho o dia todo. Quando o cão é menor e filhote, os donos tendem a dar mais atenção, carinho, proteção e colo. Devido a isso, com o tempo, o cachorro pode se tornar possessivo e ficar exigindo atenção do dono durante todo o tempo.

Por isso, é preciso estabelecer um equilíbrio na relação desde filhote. Desta forma, o cachorro vai conseguir se acostumar com a rotina da casa e com o clima. É fundamental que exista uma disciplina na vida do cachorro com horários para passear, por exemplo.

Como reverter a posse?

O seu cachorro tem o hábito de rosnar ou latir, para que você se afaste dele, quando ele esta com algum objeto, por exemplo? Uma das dicas para reverter à posse, é jogar um outro petisco, enquanto ele estiver brincando com o item da posse. Assim, ele vai associar a nova lembrança e não vai se sentir ameaçado.

Outra dica para mudar o comportamento, é sempre elogiar ou dar alguma recompensa quando o seu melhor amigo comportar-se bem. Assim, encha-o de carinho, mimos e brincadeiras. Todavia, se o seu melhor amigo continuar muito possessivo, que tal buscar ajuda de um profissional de confiança?

Fonte: www.caesonline.com - Barbara Barros Almeida
Assine nossa Newsletter
Mapa do Site